terça-feira, 30 de novembro de 2010

Assimétrico para destros e canhotos


O novo relógio da Nooka é o Zub Zayu! Seu nome vem da palavra japonesa sayu, que significa direita e esquerda, porque é possível mudar a posição do display para quem é destro ou canhoto graças a sua assimetria e sua forma de "ler" o tempo em "cápsulas".


Com o maior display para a série Zub, a parte de trás do corpo do relógio é curvo para se adaptar aos pulsos. É dito como o primeiro relógio a ter um sleep mode para salvar bateria. De silicone, tem nas cores preto, cinza, ciano, magenta e amarelo. Custa $175 no site da empresa, mas não tem frete para o Brasil. A não ser que você vá neste site AQUI e pague um preço absurdo em reais...


A marca Nooka é de origem norte-americana, criada há mais de 10 anos pelo designer Matthew Waldman, apaixonado por relógios londrinos e inquieto com as poucas opções para que se mostrasse o tempo passar. Ancorado nos formatos digitais, Waldman criou um design linear com um cunho de inovação técnica, parecendo até uma espécie de jogo infantil abstrato. Diz Waldman que as suas criações pressupõem uma forma muito mais intuitiva de ver as horas, tendo ele procurado criar um novo paradigma visual e crendo que, depois de experimentado, poucos serão os que consigam voltar aos padrões analógicos ou digitais de pulso. Hoje, sua empresa também vende outros acessórios como óculos, perfumes, cintos etc.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

De fita

O conceito deste relógio é extremamente convencional. O diferencial está na sua pulseira, que é uma fita!


Você compra por U$17 na Cox & Cox e ganha uma caixinha com outras 11 possibilidades de "pulseira". Imagino que o relógio seja amarrado ao pulso com um belo laço que deve ser dado por outra pessoa. Presentão de Natal, hein, meninas-relojoeiras-fashion!

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Axonométrico!

Outra obra de arte por aqui. Dessa vez é o Parallel of Time, de John Leung para a Clarke Hopkins Clarke Architects.


Em suas palavras, a passagem do tempo é indubitável, mas a percepção que cada um de nós tem dele é diferente. Utilizando quatro relógios ligados por cabos, paralelogramas criam uma axonometria ilusória, ou seja, uma aparência tridimensional irreal. Mecanicamente falando, como os relógios está no mesmo exato horário, o tamanho dos cabos se mantém constante. Para evitar colisões entre os cabos, os ponteiros dos minutos ficam por trás do vidro.




Prova-se que, independente da percepção, o tempo é o mesmo (e também fica provado que ficaria muito bem na minha sala...).

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Cuco moderno

Relógios que fazem barulho não me agradam, por isso cucos me assutam às vezes. Ainda mais aqueles todos rebuscados... Mas esse é minimalista e tem como desligar o som!

O Modern Cuckoo Clock foi criado pelo designer alemão Ingolf Haas que é presidente da Black Forest Clock Association, uma associação alemã que se propõem a fazer somente relógios analógicos (principalmente cucos) utilizando as árvores certificadas da Floresta Negra como matéria-prima. Claro que tem um projeto sustentável.

Como todo cuco, os pesos são responsáveis pelo funcionamento do relógio e só precisam ser tracionados uma vez por semana. Sem qualquer tipo de equipamento digital ou elétrico, o cuco vermelho chama de 30 em 30 minutos, quando dois pequenos foles mecanicamente empurram o ar através de apitos de madeira dentro do relógio.

Está a venda na DWR (Design Within Reach) pela bagatela de U$700...

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Luz do sol!


O novo despertador da Philips tem o objetivo de reproduzir o amanhecer dentro do seu quarto escuro para que você não perca a hora. E ainda tem rádio, USB, musiquinhas crescentes e mais uma porrada de coisinhas legais do século XXI.



O Wake-up Light é sincronizado com o horário mundial do nascer do sol no local onde ele está. Sendo assim, ele vai aumentando a luz até seu ponto máximo. Trinta minutos depois, ele inicia a tocar uma musiquinha, sem direito a snooze (soneca).

A idéia é interessante (viu que ele desliga se tocar em qualquer lugar dele?) e está sendo utilizada em um projeto no Ártico, onde algumas cidades ficam 4 meses sem sol! Mas será que a gente percisa realmente se livrar das janelas e do sol entrando? Séra que a Philips já está nos preparando para um mundo terrível?

Detesto despertadores, mas adoro minha janela...

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Formula 1

O campeonato de Fórmula 1 desse ano já acabou, mas a empresa suíça TAG Heuer contratou o designer húngaro Peter Vardai para celebrar seus 150 anos unindo carros velozes e relógios.

O designer se inspirou no clássico TAG Heuer Carrera Calibre 1887 Chronograph e nos carros da Mercedes Benz na F1 para conceituar o TAG Heuer Grand Carrera Calibre 36 RS Caliper Chronograph.


Os controladores de horas, minutos e segundos, podem ser definidos pelo usuário, ou até mesmo serem retirados, deixando o modelo apenas com uma função ou outra. Com um design moderno e criativo, o acessório recebeu a estrela de três pontas da Mercedes centralizada na pulseira que pode ser solta facilmente, pressionando os dois botões ao lado do logo da Mercedes. Além disso a pulseira (que mais parece um bracelete) pode ter acabamento de borracha ou de metal.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Uma flor

Acredito que esse relógio seja para quartos de meninas... o designer Rafael Assandri se inspirou nas flores de camomila para conceituar o Flower Clock.


A cada cinco minutos, uma pétala desabrocha até formar a hora completa, mas as pétalas não funcionam como ponteiro. No centro, existe um relógio digital marcando a hora exata.

Só não entendi o que acontece na hora zero: as pétalas se juntam em uma só? Ou a flor vai se "despetalando"?

sábado, 20 de novembro de 2010

Um belo cronógrafo

O site era em russo e tive um pouco de dificuldade de traduzir, mas achei que merecia um post pela beleza. Este é o belíssimo Blue Wave, da Grieb & Benzinger baseado em no cronógrafo Minerva de 1925.

Minerva
é o nome de um dos mais renomados produtores de cronógrafos do mundo no início do século XX. Cronógrafos já eram conhecidos no início do século XIX, porém, foi essa empresa que colocou minutos nos contadores.


Pra quem não sabe (e eu não sabia), um cronógrafo - do grego chrónos, "tempo", e gráphein, "escrever" - é um relógio convencional que contém um mecanismo adicional controlado por botões, para iniciar, parar e resetar um ponteiro de segundos normalmente localizado no centro do mostrador. A maioria dos cronógrafos também conta com acumuladores que registram a passagem dos minutos e, às vezes, das horas. Quando o botão para resetar é pressionado, o ponteiro de segundos, assim como os acumuladores, voltam para a marcação inicial. Dependendo da freqüência do balanço, cronógrafos mecânicos podem medir até frações de segundo. Cronógrafos são diferentes de cronômetros, que são instrumentos de precisão, para medir intervalos de tempo com aproximação de décimo de segundo ou menos. Mais informações AQUI.

Custa SÓ 87,5 mil Euros!!! Tudo por causa de um revestimento de platina...

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Um cubo perfeito

Vejam que interessante essa obra de arte do designer alemão Florian Jenett:


O relógio One Perfect Cube é composto de três relógios sincronizados entre si que formam um cubo a cada 12 horas. Mas essa imagem se sustenta apenas por um único segundo! Cada instante o relógio muda e, portanto, a arte se transforma. Vejam o vídeo para entender melhor.



Acho que a hora marcada em si nem é tão significante nesta obra. Se vocês quiserem ver o processo criativo, cliquem AQUI.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Tron!

Todo mundo aqui se lembra do filme Tron: Uma odisséia eletrônica (Tron, 1982)? Não... então, não perca o remake que deve sair no fim deste ano nos EUA (provavelmente no início de 2011 aqui no Brasil). Mas por que estou falando isso? Porque a estética do filme já começa a influenciar várias áreas do entretenimento e - claro - chegou aos relógios! O 7R0N (leia-se seven-R-zero-N) do designer inglês Scott Galloway é a prova disso.


Dois anéis eletroluminescentes mostram as horas: o exterior para os minutos e o interior para as horas. Mas essa iluminação de LED não estaria somente na face, mas também na pulseira! E você ainda poderia escolher uma das cores originais das Lightcycles do filme (azul, vermelho e amarelo).


Legal, né? Scott colocou esse conceito no blog da Tokyoflash. Se receber votos suficientes, tentarão produzi-lo. Mas, como esse filme é da Disney... creio que esse relógio será produzido por mãos mágicas...

terça-feira, 16 de novembro de 2010

A SUA HORA: Finíssimo!

Chique e fino... fino mesmo!

Nosso leitor ganhou de uma amiga arquiteta esse belo relógio no início da década de 90, feito pela germano-suíça Ventura Design On Time. Infelizmente não funciona mais, porque a bateria melou todo o mecanismo interno e ninguém sabe consertá-lo...


Com o lema simplicity by elimination (simplicidade por eliminação), F. B. Hansen concebeu o relógio Flat em 1989, produzindo-o em 1990. Ganhou um prêmio de design do MoMA por causa do corpo com a mesma espessura da pulseira de couro, do minimalismo de sua leitura e da bela embalagem.

Também foi feito em pulseira de aço e algumas edições limitadas de metais preciosos e resistentes (ouro 18K, platina, titânio etc.). A empresa entrou em falência, mas está retornando ao mercado, com uma versão digital em uma tela também finíssima.

Quer colocar o seu relógio por aqui? Mande foto para hminsec@gmail.com!

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Instalação de luz

Dessa vez, o post será meio artístico. Vejam a incrível instalação Clock of Light (Hikari no Tokei) na entrada do shopping Seibu, em Ikebukuro no Japão. É uma grande estutura composta por 4 painéis com 11 mil LEDs que dão um show de passagem de tempo a cada segundo! E, a cada hora, o pilar apresenta o tempo com música e movimentos sincronizados.



A instalação é do estúdio japonês de design interativo, Tha Ltd.


Show!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Clock DJ!

Mais um post diferente por aqui: uma visão bem moderna da passagem do tempo feita pela empresa espanhola de consultoria interativa e fusão de mídias, Musikame...

Dirigido por David Salaices, esse stop motion é uma montagem de 10 mil fotos em 40 segundos, durante 5 dias de produção. Legal!

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

A SUA HORA: Piando...

Hoje o A SUA HORA traz mais um relógio familiar.


Esse relógio tem uma ave em cada horário e o relógio toca seu canto quando a hora chega.


Pode parecer legal, bucólico... mas... a ave das 10 horas faz um barulho esquisito e, se você estiver distraído, vai tomar um belo susto!

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Pendular

Keith Moore é um designer americano (nascido na Alemanha) que desde cedo criava peças de mobiliário e acessórios até montar seu próprio escritório o Pilot Design. Uma de suas especialidades e gostos são relógios de parede (tem até área própria no site dele, a Limited Time). Hoje postarei o Stella Blanca Pendullum Wall Clock.


É uma moldura (branca ou preta) em vinil e alumínio com grandes números cardinais (3, 6, 9 e 12) num ton sur ton e ponteiros da cor inversa sobre uma face reflexiva espelhada. O pêndulo pode ser nas cores vermelha, laranja, amarela, verde, azul claro, violeta, branca, cinza e prata.


Está a venda por U$114,00 no site da Exclusively Home.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Turbinado

Mais um da Projects e do Daniel Will-Harris...


O Turbino Watch vem da idéia dos moinhos, que giram por causa de vento ou água e geram energia. Nesse caso, giram e criam tempo.

Pelo que eu entendi, o fundo da face do relógio é vermelho. Lâminas negras giram hipnoticamente no tempo do segundos. Enquanto isso, ponteiros brancos marcam a hora.


Tem pulseira de couro com costura vermelha para manter uma identidade. Custa U$115 na Yanko.